Visualizar em:

Ordernar por:

Uma alimentação saudável é baseada no aporte adequado de macronutrientes (proteínas, gorduras e carboidratos) e micronutrientes (vitaminas e minerais), considerando aspectos qualitativos e quantitativos. Na alimentação, a recomendação do consumo proteico diário é individual, devendo-se considerar a idade, peso e nível de atividade física. O consumo de diferentes fontes de proteínas tem diversos efeitos saudáveis, bem estabelecidos na literatura. As proteínas vegetais na dieta fornecem nutrientes de alta qualidade e já existem evidências sobre benefícios para saúde cardiovascular, síndrome metabólica, diabetes e composição da massa corporal (massa magra e gordura).

A apreciação da proteína vegetal tende a aumentar conforme os consumidores têm a chance de conhecer mais sobre os benefícios nutricionais. Suplementos proteicos à base de vegetais estão crescendo em popularidade em diversas comunidades, incluindo entre os vegetarianos e veganos. Nos últimos anos, a adesão à alimentação vegetariana e vegana tem aumentado por filosofia de vida, defesa dos animais, foco na saúde, sustentabilidade, religião, entre outros motivos. No Brasil, em 2018 houve um crescimento de 75% em relação a 2012 da população vegetariana. Ademais, é importante ressaltar a necessidade da adequação da dieta para atingir as recomendações nutricionais a partir dos vegetais, tanto em quantidade quanto qualidade para evitar a deficiência de nutrientes. Atualmente, existe a facilidade da aquisição e ingestão de proteínas vegetais com a comercialização de múltiplos isolados e concentrados de proteínas à base de plantas, como da ervilha, soja e arroz. Os suplementos proteicos vegetais também podem ajudar a reduzir a concentração de antinutrientes pelas técnicas de processamento, melhorando a biodisponibilidade dos nutrientes.

A ervilha é uma leguminosa (Pisum sativum) que possui uma quantidade generosa de proteínas, além de conter carboidratos, vitaminas e minerais. É considerada hipoalergênica e com propriedades antioxidantes. Estudos já sugeriram o benefício da ervilha com a redução do colesterol de lipoproteína de baixa densidade, auxílio no equilíbrio da microbiota intestinal e relação com a saciedade, que pode beneficiar o processo de emagrecimento. É possível ter a adequação de proteína por meio de vegetais, sem prejudicar a performance esportiva. Evidências já sugeriram que a suplementação da proteína da ervilha associada ao treinamento de força, pode auxiliar no ganho de massa magra de forma similar à suplementação de Whey Protein. As proteínas podem auxiliar na recuperação após os treinos, pois é utilizada pelo corpo para construir, reparar e manter o tecido muscular. Uma recuperação adequada reduz as chances de fadiga precoce, auxiliando na performance. Atletas e praticantes de atividade física também devem ter a adequação proteica estrategicamente ajustada, de acordo com as necessidades.

A proteína de ervilha também é uma opção interessante para indivíduos da terceira idade. Nesta fase a capacidade funcional, relacionada à composição corporal (incluindo a massa muscular), é essencial para a autonomia de mobilidade e segurança contra risco de quedas e hospitalizações. Pelo processo de sarcopenia (redução natural e progressiva de massa magra que ocorre a partir dos 50-60 anos de idade), a necessidade proteica deve ser ajustada para auxiliar na manutenção de massa magra e no ganho de força. Nesta fase da vida, a aceitação por alimentos proteicos pode ser reduzida pela dificuldade de digestibilidade e mastigação, pela solidez de certas proteínas (exemplo: carnes). Sendo assim, o suplemento alimentar proteico vegetal pode ser uma alternativa proteica para facilitar o consumo, deglutição, digestão e absorção em diferentes formas de preparo (sopas, vitaminas, entre outras)

O que é e para que serve a Proteína de Ervilha NewNutrition?

É um suplemento alimentar de proteína isolada da ervilha, ou seja, de origem vegetal. A Proteína de Ervilha NewNutrition fornece todos os aminoácidos essenciais para o organismo. Por ser fonte de proteína, auxilia na formação dos músculos e ossos.

Os 7 Principais Benefícios da Proteína de Ervilha NewNutrition:

  1. Fonte de proteínas;
  2. As proteínas auxiliam na formação dos músculos e ossos;
  3. Proteína vegetal;
  4. Praticidade;
  5. Opção sem sabor e com sabores incríveis;
  6. Sabores adoçados com stevia (adoçante natural);
  7. Elaborada somente com ingredientes naturais.

A Proteína de Ervilha NewNutrition engorda?

O consumo adequado da Proteína de Ervilha NewNutrition, aliada à sua necessidade calórica diária, não engorda. Busque sempre o acompanhamento de um nutricionista para avaliar suas necessidades individuais.

Como consumir a Proteína de Ervilha NewNutrition? Qual melhor horário para consumir a Proteína de Ervilha NewNutrition?

Misturar 30g (1 e 1/2 medidor NewNutrition) em 200ml de água ou em sua bebida de preferência. ESTE PRODUTO DESTINA-SE A INDIVÍDUOS ACIMA DE 19 ANOS. "ESTE PRODUTO NÃO É UM MEDICAMENTO. NÃO EXCEDER A RECOMENDAÇÃO DIÁRIA DE CONSUMO INDICADA NA EMBALAGEM. MANTENHA FORA DO ALCANCE DE CRIANÇAS."

A Proteína de Ervilha NewNutrition pode ser consumida em qualquer horário do dia, como um complemento proteico. O melhor horário é o que atende suas necessidades e que se encaixa na sua rotina. Busque a avaliação e acompanhamento de um nutricionista.

Veja um comparativo entre as Proteínas do Arroz, Ervilha e Soja

 Proteína da Ervilha 900g

Proteína da Ervilha 900g

Proteína do Arroz 900g

Proteína do Arroz 900g

Proteína Isolada da Soja 900g

Proteína Isolada da Soja 900g

Valor energético127kcal/532kJ116kcal/486kJ118kcal/496kJ
Proteínas25g24g26g
Carboidratos2,2g3,6g0,6g
Gorduras totais2,1g0,6g1,2g
Sódio239mg0mg265mg
 ComprarComprarComprar

Referências:

Ge J, Sun CX, Corke H, Gul K, Gan RY, Fang Y. The health benefits, functional properties, modifications, and applications of pea (Pisum sativum L.) protein: Current status, challenges, and perspectives. Compr Rev Food Sci Food Saf. 2020;19(4):1835-1876. DOI: 10.1111/1541-4337.12573.

Hertzler SR, Lieblein-Boff JC, Weiler M, Allgeier C. Plant Proteins: Assessing Their Nutritional Quality and Effects on Health and Physical Function. Nutrients. 2020;12(12):3704. DOI: 10.3390/nu12123704.

Pereira RF, Luqueti VP, Pereira AG, Tessarin GWL, Alves JCC, Chiba FY. Suplementação da proteína da ervilha como fonte alternativa para hipertrofia muscular. Lecturas: Educación Física y Deportes. 2017; 22(233).

Pícoli TS, Figueiredo LL, Patrizzi LJ. Sarcopenia e envelhecimento. Fisioterapia em Movimento. 2011; 24(3): 455-462. DOI: 10.1590/S0103-51502011000300010.

Tong LT, Xiao T, Wang L, Lu C, Liu L, Zhou X, Wang A, Qin W, Wang F. Plant protein reduces serum cholesterol levels in hypercholesterolemia hamsters by modulating the compositions of gut microbiota and metabolites. iScience. 2021 Nov 15;24(12):103435. DOI: 10.1016/j.isci.2021.103435.

Yavorivski A, Kohler B, Doneda D. Impactos da alimentação vegetariana na saúde da população brasileira. Brazilian Journal of Development. 2021; 7(1): 9942-9962.

Albuquerque NNB, Sales JC. A influência da alimentação vegetariana para hipertrofia muscular. razilian Journal of Development, 2021;.7(9): 92540-92553. DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv7n9-425.

 

  • :(Ops!Seu carrinho está vazio